O que é relacionamento familiar?

As relações familiares são uma parte crucial de nossas vidas. Eles nos proporcionam um sentimento de pertencimento, estabilidade e apoio. Eles também desempenham um papel significativo em nossa saúde e felicidade.

Existem várias definições da palavra “família”. As definições estruturais centram-se na forma e têm critérios restritos de adesão. As definições de orientação para tarefas reconhecem que comportamentos como o apoio emocional e financeiro são mais importantes do que as relações sanguíneas.

Amor
O amor é uma emoção positiva que traz alegria e satisfação à vida. É também uma força que motiva as pessoas a fazerem sacrifícios pelo bem dos seus entes queridos. Uma família que se ama incondicionalmente apoia seus membros em situações difíceis. Eles são capazes de lidar com situações de crise sem serem sobrecarregados por elas.

O amor familiar não se baseia apenas em relações de sangue e pode incluir qualquer grupo de pessoas com quem você compartilha relacionamentos íntimos. Isso pode incluir amigos, colegas de trabalho ou qualquer pessoa com quem você tenha uma conexão de longo prazo. Pode até ser uma família escolhida, que é um grupo com o qual você escolhe viver, e não sua família biológica ou adotiva. Esse tipo de família geralmente inclui filhos de relacionamentos anteriores, o que é conhecido como família mista.

Apoiar
Uma família solidária é um componente vital do bem-estar de um indivíduo. Eles ajudam os indivíduos a lidar com situações estressantes e atingir seus objetivos. Eles também fornecem apoio emocional e financeiro. Famílias fortes comunicam-se sobre os momentos bons e ruins e respeitam as diferenças uns dos outros.

Eles incentivam os filhos a compartilharem seus problemas com eles e não os julgam nem os criticam por suas ações. Eles também garantem que passem algum tempo juntos sem distrações. Isso pode incluir refeições em família ou viagens de carro.

É importante distinguir entre relações familiares saudáveis, prejudiciais e abusivas. As relações familiares saudáveis baseiam-se no respeito e apoio mútuos, enquanto as relações familiares prejudiciais e abusivas são frequentemente caracterizadas por má comunicação e abusos. Além disso, os limites entre os membros da família podem ser confusos nas relações entre adolescentes e adultos.

Valores compartilhados
Os valores familiares são um aspecto fundamental das relações familiares. Eles determinam como as famílias agem e reagem às situações e também podem moldar a sua personalidade e carácter. Eles também orientam como os familiares tratam outras pessoas, inclusive estranhos. Por exemplo, algumas famílias valorizam a lealdade e o respeito pelos outros, enquanto outras famílias valorizam a liberdade e a independência.

Apesar do fato de famílias diferentes terem valores diferentes, é importante compartilhar alguns dos mesmos valores familiares fundamentais. Isso pode ajudar a reduzir conflitos e aumentar as chances de relacionamentos bem-sucedidos no longo prazo. Esses valores podem incluir lealdade, respeito e confiança. Eles também podem envolver equilíbrio entre trabalho e vida pessoal, estabilidade financeira e respeito próprio. Esses valores não são importantes apenas para o seu relacionamento, mas também para a sua saúde e felicidade.

Compatibilidade
Numa família, a compatibilidade refere-se à capacidade dos membros de se darem bem. Pode ser baseado em muitos fatores, incluindo atratividade, inteligência, educação, desejos sexuais, estilo de vida e valores fundamentais. Também pode incluir coisas como química, habilidades de comunicação e empatia.

Independentemente da origem familiar, uma base sólida de comunicação aberta e inteligência emocional é essencial para a compatibilidade do relacionamento. Embora a diferença na educação e nas expectativas familiares possa influenciar a compatibilidade, ela não deve ser usada como um substituto para um compromisso ativo com o desenvolvimento pessoal.

Embora os três primeiros tipos de compatibilidade estejam sujeitos a alterações (devido à idade, necessidades e interesses e maturidade), este quarto tipo de compatibilidade dura a vida toda. Envolve cuidar uns dos outros de forma consistente e mostrar empatia. Esta é uma maneira poderosa de construir um relacionamento amoroso e criar uma harmonia duradoura.

Comunicação
A comunicação é uma parte vital de qualquer relacionamento e é especialmente importante nas relações familiares. A má comunicação pode levar a conversas tensas e improdutivas, mal-entendidos e conflitos. Também pode afetar a forma como os membros tratam uns aos outros e como resolvem os problemas.

Uma boa comunicação envolve ouvir ativamente e evitar interrupções. Também inclui parafrasear o que foi dito e mostrar empatia para com os outros. É importante notar que a comunicação verbal e não verbal são igualmente importantes.

Também é importante comunicar-se sobre questões delicadas como sexo, drogas e finanças. Pode ser difícil discutir estas questões, mas comunicar uns com os outros sobre elas pode ajudar todos a compreender o que está a acontecer e a fornecer apoio quando necessário. Também pode evitar mal-entendidos e hostilidade.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *